B – ATIVIDADE DE “ATENDIMENTO FRATERNO PELO DIÁLOGO”

CONCEITO

O Atendimento Fraterno pelo Diálogo consiste em receber fraternalmente aquele que busca o Centro Espírita, dando-lhe a oportunidade de expor, livremente e em caráter privativo e sigiloso, suas dificuldades e necessidades.

FINALIDADE

Acolher, de forma fraterna e solidária, dentro dos princípios do Evangelho à luz da Doutrina Espírita, ouvindo e orientando com respeito, atenção e humildade aquele que:

a) Deseja fazer uma visita e/ou integrar-se às atividades do Centro Espírita;

b) Deseja receber ajuda material e/ou espiritual;

c) Deseja informação ou estudo;

d) Necessita de assistência, orientação doutrinária ou amparo;

e) Tem interesse em conhecer a Doutrina Espírita e o trabalho espírita.

DESENVOLVIMENTO DAS ATIVIDADES

a) Acolhimento: Acolher fraternalmente quem chega, identificando o motivo de sua vinda e oferecendo-lhe os recursos de que o Centro Espírita dispõe para atendê-lo na sua necessidade: cursos, reuniões, evangelização da criança e do jovem e outros.

b) Diálogo fraterno:

b.1 – Receber o visitante, ouvindo-o e identificando-lhe os problemas, carências ou aspirações, orientando-o segundo os princípios evangélicos à luz da Doutrina Espírita.

b.2 – Reerguer a autoestima e a esperança, esclarecendo-o de que, com apoio espiritual, somente ele poderá mudar o quadro de sua preocupação, através da própria posição mental e renovação íntima.

b.3 – Orientar, sempre, para a necessidade da realização do Evangelho no Lar, estimulando-o para o desenvolvimento do hábito da leitura saudável e para o estudo, sugerindo os livros adequados da Codificação Espírita e obras complementares.

b.4 – Após as devidas orientações, se necessário,  encaminhá-lo para a reunião de explanação do Evangelho e para o passe.

c) Encaminhamento: Quando for o caso, encaminhar o atendido para as palestras, reuniões, cursos ou outras atividades da casa, compatíveis com as suas possibilidades.

BENEFÍCIOS:

Consolo aos que se encontram em dificuldades pelas perdas, separações, conflitos, doenças, depressões, ...

Orienta doutrinariamente sobre as causas das aflições e os meios para solucioná-las.

Ampara, ergue e sustenta o Espírito nas bases do Evangelho, segundo a Doutrina Espírita.


Temos 975 visitantes e Nenhum membro online